Cartão de todos: como funciona, tabela de preços e exames

Cartão de todos: como funciona, tabela de preços e exames

Veja qui tudo sobre o Cartão de todos. Como funciona o cartão, tabela de preços 2020, exames, telefones, como marcar consulta, especialidades e clínicas.

Qualquer pessoa pode se cadastrar no programa Cartão de Todos. O cartão não exige comprovação de renda e abrange toda a família.

Cartão de todos: como funciona, tabela de preços e exames

Com o Cartão de Todos, titular, cônjuge e dependentes até 21 anos de idade poderão usufruir de seus descontos, pagando apenas uma mensalidade no valor de R$ 23,10.

Nesse programa o usuário deve procurar um dos estabelecimentos parceiros e se identificar com o Cartão de Todos para obter os descontos.

Além do valor mensal, existe o pagamento das consultas, quando ocorrerem. No caso das consultas com clínico geral, o valor da consulta é de R$ 20,00 e para demais especialidades o valor da consulta é de R$ 28,00 apenas.

No caso de exames laboratoriais, por imagem ou gráficos, existem descontos especiais previamente determinados.

Veja este vídeo da Ana Maria Braga falando tudo sobre o Cartão de Todos 2020:

Limitações do programa Cartão de todos

Apesar de ser uma excelente opção para realizar consultas e exames, o Cartão de Todos não é um plano de saúde e, por isso, possui limitações quanto aos serviços oferecidos. Então não confunda ele com o Cartão do SUS.

O programa não oferece, por exemplo, coberturas em casos de cirurgias, atendimentos de emergência, contratação de ambulâncias, entre outros.

Outra informação importante é que o Programa Cartão de Todos não é responsável pela qualidade ou tipo dos serviços prestados, sendo apenas um facilitador de descontos.

Cada parceiro pode também restringir os descontos a determinados procedimentos, previamente definidos, e não possui qualquer obrigatoriedade em conceder os descontos propostos a serviços não incluídos no programa.

Como descobrir os parceiros conveniados?

De acordo com o site do programa, o Cartão de Todos é aceito em mais de 10200 estabelecimentos, e em todos os estados brasileiros. São diversas clínicas conveniadas em todo o país.

A melhor maneira de descobrir quais são os estabelecimentos parceiros na sua região é acessar o endereço eletrônico (https://cartaodetodos.com.br/#/lista-parceiros) e realizar uma pesquisa direcionada para o seu estado e a especialidade desejada.

Faça isso antes de solicitar o seu cartão para garantir que a sua região já possui estabelecimentos parceiros. Se você não encontrar estabelecimentos parceiros, pode sugerir a parceria com o programa às clinicas.

Quem desejar se tornar um parceiro precisa apenas preencher o formulário (https://cartaodetodos.com.br/#/seja-franqueado) e aguardar o contato de uma dos representantes.

Quais são as especialidades cobertas?

O programa Cartão de Todos pode cobrir qualquer tipo de especialização médica ou odontológica, dependendo apenas do acordo formalizado com a empresa parceira.

Ao fazer a pesquisa no site do programa, serão fornecidas todas as informações necessárias sobre a parceria, e você poderá decidir sobre a melhor opção para realizar os seus atendimentos.

Como marcar uma consulta com o Cartão de Todos?

Como marcar uma consulta com o Cartão de Todos?

Para agendar uma consulta é simples. O primeiro passo é pesquisar o parceiro que oferece a especialidade desejada na sua região. Utilize o link informado acima para fazer a pesquisa.

Em seguida, entre em contato diretamente com o prestador de serviço e verifique a disponibilidade do serviço. Lembre-se de informar que o Cartão de Todos será utilizado. Com essa informação o atendente informará o valor a ser cobrado.

Agende o melhor dia e horário e compareça à consulta e pague apenas o valor combinado.

Como cancelar o Cartão de Todos?

O Cartão de Todos é regido por um contrato de adesão, com validade de um ano, que é renovado automaticamente após esse período.

Entretanto, caso o usuário deseje cancelar o serviço e deixar de pagar as mensalidades, pode fazer a qualquer momento após o primeiro ano de contrato. Caso o período de carência não seja respeitado, haverá cobrança de multa.

Para solicitar o cancelamento é preciso enviar comunicação prévia por escrito com 30 dias de antecedência. O documento deverá ser entregue em qualquer unidade credenciada da rede. Outra opção é enviar o comunicado na seção Fale Conosco do site, informando nome completo, CPF e número de telefone.

Não havendo nenhum tipo de pendência financeira, o cancelamento é feito imediatamente.

Espero que você tenha gostado do conteúdo. Fique à vontade para deixar a sua dúvida logo abaixo.

Clique para votar!
[Total: 1 Média: 5]

Deixe um comentário