Implante dentário gratuito pelo SUS 2020 onde fazer

Implante dentário gratuito pelo SUS 2020 onde fazer

Veja sobre o Implante dentário gratuito pelo SUS em 2020. Onde fazer e como encontrar dentista gratuito para implantes e tratamentos odontológicos. Continue aqui e fique por dentro de todos os detalhes.

Implante dentário gratuito pelo SUS 2020 onde fazer

De acordo com o último levantamento sobre a saúde bucal, realizado no Brasil em 2010, 16 milhões de pessoas convivem com a ausência total de dentes. E a maioria delas não sabe que pode conseguir um implante dentário gratuito pelo SUS.

Dessa parte expressiva da população, cerca de 41% tem mais de 60 anos. Dos números da faixa com idades entre 65 e 74 anos, 47% perderam todos os seus dentes, 51% apresentavam alguma perda dentária, e apenas 2% mantinham todos os dentes saudáveis na boca (sem indícios de cáries ou restaurações).

Próteses dentárias

Além desses, 39 milhões de brasileiros já utilizam próteses dentárias e dessas, uma em cada cinco pessoas tem idade entre 25 e 44 anos.

Os dados são assustadores e demonstram ser resultado da falta de informação, do acesso limitado e da falta de profissionais de saúde qualificados no segmento odontológico por longos anos.

A maioria das pessoas que hoje são adultos ou idosos, infelizmente não teve acesso durante a vida à informação e às medidas de prevenção contra cárie dentária.

Medidas como a fluoretação das águas de abastecimento público, também o uso de pastas com flúor e, principalmente, o conceito de atendimento odontológico preventivo, poderiam ter evitado esse cenário atual.

Outro estudo, realizado pela Edelman Insights, ouviu 600 pessoas da América Latina, dentre eles 151 brasileiros, e constatou que a perda dos dentes é o segundo fator que mais causa prejuízos para a qualidade de vida das pessoas com idades entre 45 e 70 anos.

Cerca de 32% dos entrevistados afirma que conviver com a perda dos dentes é um fator impeditivo para que eles atinjam uma vida saudável e plenamente ativo.

O processo é traumático, principalmente para os mais jovens.

A perda de dentes e a autoconfiança

Ainda de acordo com a pesquisa, 52% dos entrevistados afirmaram que a aparência piorou após a perda dos dentes. 43% disseram que esse fato atrapalha seus relacionamentos e 21% disseram que a falta de dentes os impede de fazer novos amigos.

Além desses números, 38% dos participantes disseram se sentir mais inseguros socialmente e 41% afirmaram sentir maior dificuldade para pronunciar as palavras após a extração dos dentes.

A falta dos dentes também pode levar a redução na capacidade de mastigar, e pode causar disfunções na articulação temporo-madibular, alterações nas linhas de expressão do rosto e alterações na deglutição.

A boa notícia é que, com os avanços tecnológicos na área da saúde, hoje já é possível prevenir e corrigir a perda dentária através das próteses e dos implantes gratuitos, pelo SUS.

O que são implantes dentários?

O que são implantes dentários?

Os implantes dentários são indicados quando o paciente perde o dente e a sua raiz, o que impede de colocar uma dentadura.

Ele é formado por uma peça de titânio, fixada no maxilar da pessoa, abaixo da gengiva, que funciona como apoio para a colocação do dente.

As cáries e a periodontite são as principais causas que levam à necessidade de implante dentário.

Um implante dentário pode ser um procedimento caro, dependendo da técnica utilizada e da quantidade de dentes a ser implantada. Mas o que a maioria das pessoas ainda não sabe é que é possível conseguir um implante dentário gratuito pelo SUS.

Implante dentário gratuito pelo SUS

Através do programa Brasil Sorridente, criado em 2004, o acesso à saúde bucal se tornou mais abrangente e facilitado aos cidadãos do país.

Além de oferecer tratamento dentário gratuito agendado e de emergência nos postos de saúde, nas Unidades de Pronto Atendimento e nos centros especializados, o programa também oferece a oportunidade de realizar implante dentário gratuito pelo SUS, desde 2011.

Como conseguir o implante dentário gratuito?

Como conseguir o implante dentário gratuito?

O Programa Brasil Sorridente ainda não está disponível em todas as cidades, mas muitas regiões já possuem pelo menos um ponto de atendimento.

Veja todos os detalhes do implante dentário gratuito pelo SUS:

  • Nas cidades que já estão incluídas no programa, o paciente precisa comparecer a um posto de saúde próximo a sua residência, com o cartão do SUS, e agendar uma consulta com o especialista odontológico, manifestando a sua intenção de colocar o implante.
  • A consulta com o especialista pode demorar de 30 a 90 dias, dependendo do caso, e nela serão solicitados exames importantes para avaliar e encontrar a melhor opção.
  • Em geral os exames solicitados são a radiografia panorâmica, que permite que o dentista veja a situação e altura do osso, e também a tomografia computadorizada.
  • O implante dentário gratuito é contraindicado para pacientes que utilizam medicamentos da classe dos bifosfonatos, como os utilizados contra neoplasias malignas, doença de Paget e alguns casos de osteoporose.
  • Também não é indicado para crianças e adolescentes que ainda não tenham completado o ciclo de crescimento ósseo, já que os implantes não mudam de posição como os dentes naturais.

Os casos considerados prioritários são os provenientes de acidentes, aqueles que afetam os dentes da frente e os que dificultam a mastigação.

Como é feito o implante dentário gratuito?

Na cirurgia de implante dentário o paciente é anestesiado e é feita uma incisão no local do implante. Após a instalação da base de titânio, a gengiva é suturada para se unir ao implante.

O tempo da cirurgia pode variar entre uma e duas horas, dependendo da quantidade de implantes realizados no mesmo dia.

Após esse primeiro procedimento é preciso aguardar alguns meses para que o dente definitivo seja colocado.

Cuidados depois do implante dentário gratuito

Durante as primeiras 12 horas após a cirurgia, o paciente deve concentrar sua alimentação em alimentos líquidos e gelados, o que ajuda a cicatrizar e a evitar inflamações.

Após esse tempo o paciente pode consumir alimentos pastosos e após 24 horas da cirurgia é permitido se alimentar normalmente.

Além dos cuidados com a alimentação, é preciso também manter a cabeça sempre elevada, mais alta do que o corpo, até mesmo durante o sono. Também devem ser evitados os bochechos.

Não é indicado que o paciente faça atividades físicas ou esforço, e nem mesmo pegue sol durante o período de recuperação.

Agora você já sabe o que são os implantes dentários, porque eles são importantes para a população e, principalmente, que é possível conseguir esse tipo de tratamento dentário gratuitamente pelo SUS.

Espero que você tenha gostado desse conteúdo. Fique à vontade para deixar um comentário logo abaixo.